?

Log in

Brasil: Poesias, Poemas & Mensagens de Amor & Paix's Journal
 
[Most Recent Entries] [Calendar View] [Friends]

Below are the 8 most recent journal entries recorded in Brasil: Poesias, Poemas & Mensagens de Amor & Paix's LiveJournal:

Sunday, September 23rd, 2007
1:23 pm
[lustato]
"lustato"... Uma mera página de pesquisas...
"lustato"... 
Uma mera página de pesquisas...



Google
Web    Imagens    Grupos    Notícias    mais »
  Pesquisa avançada
  Preferências
Pesquisar:
 Web Resultados 1 - 10 de aproximadamente 2.900 para lustato (0,05 segundos) 

MySpace.com - Lustato Tenterrara - 46 - Male - Teresina - Piauí ...

MySpace profile for Lustato Tenterrara with pictures, videos, personal blog, interests, information about me and more.
www.myspace.com/lustato - 55k - Em cache - Páginas Semelhantes

Amor&Messenger & Poesias&Love&Passion of Lustato Tenterrara

Simplesmente Tudo... de Lustato Tenterrara Blog do Site Oficial www.lustatotenterrara.com Poesia & Arte & Designer Livro Impresso (com álbum fotográfico) ...
lustato.blogspot.com/ - 460k - Em cache - Páginas Semelhantes

Lustato Tenterrara - Perfil

Utilizo o pseudônimo Lustato Tenterrara... Sou Jurista, escritor, nordestino de coração, poeta. Em alguns escritos, sou também Elmano Critilo de Dirceu, ...
recantodasletras.uol.com.br/autores/lustato - 17k - Em cache - Páginas Semelhantes

Lustato Tenterrara - Textos

Lustato Tenterrara. Teresina/PI - Brasil, Escritor Profissional. 145 textos (14892 leituras). (estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em ...
recantodasletras.uol.com.br/autor_textos.php?id=19983&categoria=Y - 10k - Em cache - Páginas Semelhantes
[ Mais resultados de recantodasletras.uol.com.br ]

Academia Universitária

Lustato Tenterrara. www.lustatotenterrara.com http://lustato.blogspot.com ... Quero sempre dar um passada por aqui pois um recanto de Lustato com toda ...
lustato.livejournal.com/ - 427k - Em cache - Páginas Semelhantes

lustato - Profile

lembre de citar o autor Lustato Tenterrara ou o seu heterônimo: ... Autorização do Autor, Lustato Tenterrara, nos Sites e "e-mail's", ...
lustato.livejournal.com/profile - 31k - Em cache - Páginas Semelhantes
[ Mais resultados de lustato.livejournal.com ]

Amor&Messenger of Spaces of Poesias & Passion of Lustato Tenterrara

Amor&Messenger of Spaces of Poesias & Passion of Lustato Tenterrara.
lustato.spaces.live.com/ - 91k - Em cache - Páginas Semelhantes

Amor&Poesias&Poemas&Mensagens deLustato Tenterrara

Comentários, Mensagens e Intimações Públicas, Recebidos por Lustato Tenterrara, no período de 09.07.2007 a 11.08.2007, no Seu Site do Escritor interligado ...
www.lustatotenterrara.com/publicacoes.php - 14k - Em cache - Páginas Semelhantes

Uma Apologia a Pablo Picasso! [Texto em Inglês, com tradução ...

Direitos Autorais Exclusivos de Aninha T e Lustato Tenterrara ... Imagem Publicada: Grafismos em Picasso, by Lustato Tenterrara. ...
www.lustatotenterrara.com/visualizar.php?idt=489802 - 35k - Em cache - Páginas Semelhantes

Brasil: Poesias, Poemas & Mensagens de Amor & Paix - O Peixe ...

Direitos Autorais Exclusivos de Aninha T e Lustato Tenterrara ... Somente podem circular cópias com Autenticação Pessoal de Lustato Tenterrara. ...
community.livejournal.com/brasilt_poesias/921.html - 44k - Em cache - Páginas Semelhantes

Página de resultados: 
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
Mais

Faça o download do Google Pack: software grátis para o seu PC

 

Pesquisar nos resultados | Ferramentas de idiomas | Dicas de pesquisa


Página Inicial do Google - Soluções de publicidade - Tudo sobre o Google

©2007 Google


Current Mood: loved
Saturday, September 22nd, 2007
9:37 pm
[lustato]
Assim Termina Uma História de Amor & Paixão e Começa uma História de Sexo, Luxúria e Poder!!!
Assim Termina Uma História de Amor&Paixão(UmRomanceEm69Atos)e Começa uma História de Sexo, Luxúria e
Assim Termina Uma História de Amor & Paixão (Um Romance em 69 Atos) e Começa uma História de Sexo, Luxúria e Poder
(by Lustato Tenterrara)

Capítulo I

A Violação de Domicílio Legal

Era o dia 15.08.2007, precisamente às 16:45 quando cliquei com o mouse no botão "Post to Lustato" deste meu LJ. Aquele foi o meu último ato antes de levantar para abrir a porta da suíte do hotel.

Antes, ainda, verifiquei, na tela do monitor, se a publicação fora corretamente recebida no meu Live Journal. Sim.

Ao telefone, a Gerência do Hotel informa querer conversar pessoalmente, alegando que o vencimento da fatura semanal, programada para o dia 16 ou 17 (quinta ou sexta-feira) iria ser antecipada, face o feriado do dia seguinte.

À porta, ouve-se alguns toques sutis, de um funcionário. Abro a porta. Era o mesmo Gerente que, há cerca de dois ou três dias dias, a meu pedido, viera trazer um marceneiro para consertar o trinco das janelas da Suíte 709, os quais não funcionavam, deixando as ditas janelas permanentemente abertas.

Decerto que estávamos no sétimo andar. Decerto que seria improvável alguém adentrar à suíte pelas paredes externas do edifícil, mas o serviço era necessário. Portadora de transtorno bipolar emocional, minha esposa tentara, naquele dia, jogar-se, juntamente com Bielle, por aquelas janelas. As tentativas de suicídio lhe são freqüentes. Desde antes de nosso casamento, em 2001 (de fato) e 2002 (de Direito), suas mudanças e oscilações de humores são uma constante. Na verdade, uma constância irritante, diária e que somente por alguns períodos some por cerca de três dias a uma semana. Não mais do que isso.

No leito nupcial, minha esposa brincava, absorta, com nossa pequena Bielle, remexendo aquele 'brinquedo' metido a aparelho celular combinado com bichinho virtual, que pedia água, banho, comida e cama.

(Interessante: sempre começava com a frase: "Tô sujo!"... Assim mesmo... Embora 'falado', percebia-se, perfeitamente, a existência de um ponto de exclamação!)

Abro a porta. Peço o Gerente para entrar. Deixo a porta aberta e retorno em direção ao leito nupcial. Dou mais uma olhada naquela morena linda e sexualmente vitaminada em todos os nossos poros. Era a última vez que iria ver aquela cena, pois logo após volto o olhar novamente para o hall de entrada da Suíte e percebo, então, que o Gerente não me acompanhou.

Retorno à porta. Vejo o seu olhar 'espantado'. Absorto em pensamentos poéticos, políticos, sociais e literários, EU devo ter imaginado que ele estaria com alguma gripe.

O Gerente olha para mim e pede para acompanhá-lo à Suíte 710 para conversar com o Gerente-Geral, o qual já estaria, lá, me esperando. Eu lhe disse, então, que poderiam entrar na ante-sala da minha suíte, para que tivéssemos o colóquio solicitado pelo hotel.

O Gerente retorna e adentra, então, na Suíte 710. Parece conversar com alguém. Da porta da Suíte 709, observo ele sair e dirigir-sè à porta da Suíte 707, testa-a-testa com a minha porta. Abre-a. De dentro saem cinco bandidos trajados de policiais. Adentram e INVADEM o sacrossanto leito nupcial onde me encontro. Ainda esbocei um pensamento de fechar a porta da suíte.

Tarde demais.

Entram todos. Fortemente armados (FUZIS, METRALHADORAS, GRANADAS... Creio que até mesmo algum tanque de guerra deveria estar estacionado à porta do hotel... Não... Apenas algumas dezenas de carros e motos das forças policiais e da imprensa... Muita coisa... Para nada). A propaganda é a alma do negócio!

Violam o meu leito nupcial.

Levam-me à força para a Suíte 707 onde sou algemado e torturado por cerca de duas horas.

A todo momento pergunto aos criminosos onde estariam minha esposa e minha filhinha de 3 (três) anos, as quais ficaram na cama da minha Suíte 709. Peço clemência para com elas.

Tentam enforcar-me.

Estou já desfalecendo quando consigo explanar que não estou conseguindo respirar. Afrouxam um pouco a 'gravata' braçal a que me submetiam.

Pergunto se trata-se de algum tipo de 'Esquadrão da Morte'.

Em silêncio, apenas apontam a arma para minha cabeça.

Informo que sou uma Autoridade constituída legalmente, segundo as leis brasileiras. Que se eles forem realmente policiais e não bandidos deveriam ao menos informar o motivo de todas aquelas violências.

Capítulo II
A Síndrome da Perfeição

Na verdade, eu acredito na lei.
No Estado de Direito.

Escritor, Advogado e Jurista, irrito-me facilmente em face da incompetência, corrupção e impunidade que assola nossa adorada Pátria, salve, idolatrada, salve, salve.

São policiais criminosos atuando em nome da lei.

São políticos corruptos.

São autoridades diversas que se entregam, simulando legalidade, a arbítrios generalizados.

Podridão em praticamente todas as esferas.

Mas, o Quarto Poder concentra um poder de fogo espetacular, pois aciona "a mais forte das armas", 'a língua humana'.

E, face a criminalidade latente em todas as esferas dos poderes que 'mandam' na Sociedade, um criminoso que se passa por jornalista é um dos piores.

É, na verdade, o pior dos crimes.

Os outros praticam um crime mas o escondem. Simulam uma pretensa legalidade para esconder, senão o dolo específico, a culpa, que é onde se escondem os agentes estatais incompetentes e criminosos.

Mas a Imprensa, quando comete crimes (e o fazem diariamente), o fazem com estardalhaço, em nome apenas da corrupção e da promoção pessoal de alguns outros criminosos.

Ajudam-se todos, mutuamente. Troca de favores ou rabo preso (não sei - ou ambos).

...

Mas eu ainda digo... E repito: O Brasil tem jeito.

A Lei e a Ordem já instituídas e positivadas no nosso ordenamento jurídico ainda têm garantia de cumprimento nas elevadas esferas de nosso poder judiciário.

Fiemo-nos neles: Os Ministros Superiores e os do Supremo!

Enfim nossos Deuses Brasileiros, nossas duas últimas instâncias, garatem que cada cidadão brasileiro possa exigir legalmente a aplicação da lei pátria. Exigir. Cobrar prestações de contas e responsabilidades.

É...

Eu já disse que sou um sonhador.

Mas eu sou um sonhador radical e sinto que um homem pode fazer a diferença.

Viva o nosso ordenamento jurídico e os princípios gerais do Direito...

E a democracia no Estado Democrático de Direito...

Porque, sem ele, sem o Estado Democrático de Direito eu não poderia escrever aqui em busca da Justiça, eu não estaria mais aqui.

Estaria lá no Céu, talvez...


Capítulo III
TO BE CONTINUED 
Tuesday, August 14th, 2007
3:48 am
[lustato]
Céus... by Lustato Tenterrara, Manuel Bandeira, São Mateus, Joana de Ângellis & Hagar-H

Em God zeide:
      Daar zij licht! Em daar werd licht.
http://www.hemel.org/popetalk.cgi?text=En+God+zeide:+Daar+zij+licht!+en+daar+werd+licht
                                              Gênesis: 01:03
          Parte I

“Aqueles que dizem...
Senhor! Senhor!
Não entrarão todos
no Reino dos Céus!”
(Mateus, VII, 21-23)


“Somente entrará
aquele que faz”
[a Vontade do Senhor!...]
“A Vontade do Senhor Meu Pai,
que está nos Céus!”

                            “Eu vi-a nua!
                             Toda nua...
                              Eu vi os Céus... Eu vi os Céus!”
                                             (Manuel Bandeira)

             Parte II
“A Porta da Perdição é Larga...”

Pois os Caminhos dos Prazeres é Espaçoso!

‘Muitos são os que o Preferem!’

Os Prazeres...
                    Terrenos...
                                     Excelentes!
E...  Recomendados...

No Livro do Gênesis... 
“E serão uma só carne!”

Pela Genética...
                     É...
                          O Nosso DNA assim exige...

 

 

 

         Parte III

 

 

Nossos Poros...
            Nossa Pele...
                      Nosso Cheiro!
Nossos Átomos se Engrandecem
        [com os Hormônios dos Prazeres Terrenos...
                                        A Liberação...
                                                     A Adrenalina...]

E subvertemos a Ordem Natural do Amor!

... “Carpem Die”

- “Eu!... Antes!...  Primeiro!

- “Tudo posso... Naquele que me realiza!”
                         [- “Que me realiza os Prazeres!”]

- “Tudo posso, com 'Aqueles' que me realizam!”

Mas...
Para Aqueles que o Gozam...
                            Com Dissimulações...
                                        Com “Olhos de Capitu”!
                             Com a mais descarada
                                       “Cara-de-Pau!”
- “Eu Vós Digo!”
- “Obras...”
- “Isso, são Obras de Iniqüidades! “



                   
Parte IV

E não basta dizer...
                    [- “Senhor!”]
                    [- “Senhor!”]
                    Para entrar no Reino dos Céus!

‘Pois Vários de Vós...
         Naquele Dia...
         Virão a Mim... Dizendo:’

                  [- “Senhor!”]
                  [- “Senhor!”]
                  [- “Profetizamos em Vosso Nome!”]
                  [- “Aclamamos o Senhor...
                                              E o Vosso Nome!”]
                   [- “Expulsamos Demônios...
                                                Em Vosso Nome!]

“E... 
         Então...
                       Eu Vos Direi”...
                                                   ‘Cristal!’
                       - “Retirai-vos de Mim...
                           Vós... 
                           Que Fazeis 
                                   Obras de Iniqüidades!”
                                     (Mateus, VII, 21-23) 

             Parte V

Mateus, VII, 13-14:
‘A Porta estreita dos Céus’
‘O Caminho... Estreito!’
‘Poucos o encontram’...
Sem se perder!

- “E... Então... Naquele Dia...
                     Eu Terei que te dizer...”

- “Meu Filho...”
- “Estou Feliz em ReVê-Lo”
- “Mas o teu Caminho ainda não está Completo!
- “Ainda não é hora de subir aos Céus!
- “Tornarás... Retornarás ao Paraíso Terreno...
- “O Habitarás...
                 Consoante Teus Carmas Espirituais...
                 Consoante Tuas Escolhas Terrenas...
                  E, consoante
                                 as Iniqüidades cometidas...”


                          
Parte VI

- “Tornarás a ter Vida Corpórea...”
                              - “Dor... Para Te Redimir!”
                              - “Prazeres... Para Te Alegrar!”

-“Te Apercebas dos Prazeres...”

- “Mas
não cometas Iniqüidades!”

-
“Sejas Cristão!

              No Sentido “Humano” da “Expressão”!”

- “Pois...
           Na Existência Terrena dos Espíritos...
                                                          Na Balança
[Que rege o contrapeso entre a Dor e o Prazer
nas existências terrenas dos Espíritos!]...
O Padrão... Os “Pesos e Medidas”...
                       São... 
                           A Qualidade do Teu Amor... 
                            E as Iniqüidades cometidas 
                            na Vida Terrena Anterior!
São esses os Parâmetros...
                     Que vão definir
                                   A Tua Evolução Espiritual...
A cada Reencarnação...
            O Espírito se Redime 
                    de todas as Iniqüidades 
                    cometidas na vida terrena anterior...

Aqueles Seres de Luz que ao desencarnar,
o fiel da Balança do restrospecto
de sua vida terrena,
pende mais
para realizações de Obras de Iniqüidades...
Retornarão... E reencarnarão
novamente na Terra... 
[ - “com um pouco mais de Dor!...
Para os Redimir!]
E sua colocação, no Paraíso Terrestre,
se dará consoante o peso
                              e o contrapeso de suas Obras!

‘AquelOutros’ Seres de Luz,
onde, na Balança de sua vida terrena,
                   o contrapeso de suas obras,
                                      pendeu mais para o amor...
Também retornarão...
                    E reencarnarão novamente na Terra...
  [- “Um pouco mais iluminados que D’antes!] 

E,
também,
a sua colocação no Paraíso Terrestre
se dará
consoante o peso e contrapeso de suas Obras!

               Parte VII

- “Estas são as Regras...
                        Os Dogmas...
                              E os Preceitos
                                        da Existência!
             De Todos Nós! Espíritos de Luz...

- “A Ascensão aos Céus
somente ocorre quando
os Espíritos de Luz,
elevados espiritualmente
pelos ensinamentos apreendidos
no acumulado de suas existências terrenas,

praticam obras de Infinito Amor Fraterno...

Com isso... Suplantam... Apagam... Decepam,
Todas as Obras de Iniqüidades cometidas
em suas existências terrenas anteriores...”

Desta Arte,
vêm finalmente a reconhecer que todos nós...
Somos Espíritos...
Todos Nós...
Espíritos de Luz...
Que...
Finalmente... Vêem a Luz!

E compreendemos, então,
do que efetivamente somos feitos...
Que nossa matéria ‘ethéria’...
É apenas e simplesmente
Energia Pura... E do Mais Puro Amor!

- “Isso Diz Tudo!”


                   
Parte VIII

“Purgatório"... "Inferno"...

Na definição que todos
‘pretendem achar que conhecem',
são meros conceitos abstratos
incutidos na mente dos Homens,
por determinação de Nosso Pai...
Ainda na Antiguidade dos Tempos...
Para fazê-los entender
a gravidade de seus atos terrenos...

Na verdade, eles existem...
Mas estão aqui mesmo
em nosso ‘Paraíso Terreno’...

Estão disfarçados...
          Ora de Somália...
                      Ora de Uganda...
                                  Ora de Tsunami...

            Mas existem outros...     Muitos outros...

Também,
em World Trade Center...
                                     Joelma...
                                                      Andraus...

E...
      Às vezes...
             Até aqui na esquina...

Nas Favelas do Rio de Janeiro
                                 [E de qualquer outro lugar]

Nos acidentes ou incidentes sem nexo...

Nas balas perdidas... 
                
Ou na ‘proibição’ de se defender!

Até na calmaria do Sertão...
                 Na umidade da Amazônia...
                                            Na Fome do Peão!

Alguns...
              São Inferno...

Outros... 
               Purgatório...

Mas...
Todos...
Meros Departamentos de uma ONG...
Onipresente...
www.céu.sky.hemel.cielo.ciel.oupavóç.Небо.slaw.org
Em todos os Estados...
Escritórios e Representações em todos os lugares
www.céu.org
www.sky.org
www.hemel.org
www.cielo.org
www.ciel.org
www.ουρανός.org
www.небо.org
www.slaw.org
Em todas as Eras...
       Todos os Tempos...
          E em todas as Dinastias...

         Parte IX

Então, percebamos, nós...
Que, em nossa existência terrena...
Muitas de nossas escolhas,
Interagem
com nossos caminhos e nossos prazeres
ainda aqui em nossa própria vida terrena...

No entanto...
O Tamanho do Nosso Amor...
A Intensidade de Nossas Obras,
Tanto as de Amor, quanto as de Iniqüidade...
Nos acompanham, no ether, ao deixarmos a vida terrena e corpórea.

As nossas obras realizadas,
se transliteram...
Se transmutam...
Desembocam naquele Dia...
Naquele dia
que todos os viventes
corpóreos e terrenos
Teremos de enfrentar...

Nossas Obras
          são o Nosso Julgamento...
Boas e más...
Peso e contrapeso...
Amores e Iniqüidades!

              Parte X
          Ser Cristão!
                
(Lustato Tenterrara)
Ser Cristão...
                 Não é...
                          Ter os pensamentos em Cristo...
E – No entanto –
                 O Coração dissimulado de Ações...
                           Dissimulado de outros pensamentos...

 

 

Ser Cristão...
                  Não é...
                          Aclamar o Nome do Senhor!
E...
                  Dissimuladamente...
                          Cometer Iniqüidades...
Ser Cristão
        É ter Amor!
                            Não Importa a Religião...
                                    Não Importa a Seita...
                                            Não Importa o Dogma!
                                                        
(Lustato Tenterrara)





Lustato Tenterrara Ponto Com
Direitos Autorais Exclusivos de Hagar-H, São Mateus, Joana de Ângelis e Lustato Tenterrara
União Brasileira de Escritores - UBE/PI - Matrícula n.º 343/99 
Para Uso Doméstico
ou sem fins lucrativos, somente pode ser reproduzido o Texto. 
                                                                       Lustato Tenterrara Ponto Com

 

 

 

Lustato Tenterrara
Publicado no Recanto das Letras em 18/05/2007
Código do texto: T491311

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Current Mood: loved
Monday, August 13th, 2007
11:04 pm
[lustato]
Desconstrução (Lustato Tenterrara)
O Retorno[13 Aug 2007|10:58am]
[music|Zóio de Lula by Charlie Brown Jr]

O Gênesis
(ingênesis - agênesis - desconstrução)
Lustato Tenterrara

Uma luz
uma estrela

estrellatta

est
ella

e a 'lata do poeta'

Nos cosmos
nas supernovas

e nas incomensuráveis magnitudes
das forças magnéticas
ocorrentes nas formas amorfas de um buraco negro

e que consegue...
A todo momento, e num só instante,
sugar todo o universo!
(Lustato Tenterrara)

post comment


Current Mood: contemplative
Friday, July 20th, 2007
9:12 pm
[lustato]
O Presidente Lula Estava na Cabine do Piloto do AIR BUS da TAM - O BRASIL EM LUTO POR SUA EXCELÊNCIA

     Lustato:

Estou de Luto pelos 200 espíritos de Luz que se foram...

Gostaria de dizer predicativos impronunciáveis

E de todos os que me vieram para qualificar os acontecimentos

são a necessidade de REAGIRMOS À ALTURA dos FUNDAMENTOS ÉTICOS, MORAIS E LEGAIS QUE REGEM O ESTADO DEMOCRÁTICO DE DIREITO...

O Cargo de Presidente da República está vago...

Estou de Luto...

Ele estava no cocpit do AIR BUS da TAM...

nINGUÉM SOBREVIEu.!!!

Lustato Tenterrara

 

 

 

Se o Congresso não tomar medidas acautelatórias
Caberá ao POVO o chamamento às ruas...

E o acréscimo de nova responsabilidade objetiva do Estado
por omissão na garantia constituciona à VIDA.
Lustato Tenterrara

 

 

 

  20:13
(4 minutos atrás)

     Lustato:

O Congresso Nacional PODE E DEVE iniciar imediatamente
estudos para indicar a LEGITIMIDADE ATIVA para que seja imediatamente garantido o fedchamento de todos os aeroportos que não atendam ao padrão de quatro quilômetros
(que é o padrão nos aeroportos europeus, que não sofrem acidentes de pouso ou decolagem ha mais de trinta anos...
Lustato Tenterrara

 

 

 

  20:11
(6 minutos atrás)

     Lustato:

É chegada a hora de Sua Excelência o Sr. Presidente da República mostrar que é um grande homem...

Lustato Tenterrara

 

 

 

  20:08
(9 minutos atrás)

     Lustato:

Imediato fechamento de todos os aeroportos que não atendam a pista de 4 quilômetros

 

 

 

  20:05
(11 minutos atrás)

     Lustato:

Fechamento para grandes aeronaves de todos os aeroportos brasileiros que tenham pista inferior a 4.000 (padrão europeu)

Lustato Tenterrara

 

 

 

  20:05
(12 minutos atrás)

     Lustato:

O Cargo está vago!

Eu até aceito que ele renuncie (melhor que o impendimento)

e até vou tentar votar no seu sucessor por ele indicado

e votarei nele (LUla) depois... Quando retornar das cinzas na próxima eleição...

 

 

 

  20:04
(13 minutos atrás)

     Lustato:

A responsabilidade objetiva do Estado
determina a responsabilidade do Cargo...

 

 

 

  20:02
(15 minutos atrás)

     Lustato:

Estou de Luto!
O Meu Amigo Presidente morreu na tragédia...

 

 

  20:01
(16 minutos atrás)

     Lustato:

Luto...
Luto!!!
Luto.

Pelo Excelentíssimo Senhor Presidente da República!

Lustato Tenterrara Says.

 

 

 

 

Monday, July 9th, 2007
10:52 pm
[lustato]
O Peixe (Lustato Tenterrara) + Zóio de Lula (Musica Cifrada) by Chorão, Charlie Brown Jr
O Peixe [09 Jul 2007|10:30pm]
[mood| contemplative]
[music|Zóio de Lula, by Chorão - Charlie B. Jr.]

 


Image 'O Peixe'  by Lustato Tenterrara (c)

O Peixe

 (Lustato Tenterrara)

O peixe morre pela boca

                      e pelos seus sonhos também!

Teses, teorias, "discoursis"...

                        Platão, Aristóteles, Rousseau...

Tantas idéias!

Tantos princípios!

E a cidade ideal?

E a sociedade ideal?

                           Tantos males a serem sanados...

                           E eu aqui parado, meu Deus...

 

                                               Olhando o mar...

                           E pensando nela!

                                                                                     Lustato Tenterrara Ponto Com

 

 

Depois...
'VoltAki'... Vamos Zoar um pouco...
Lustato Tenterrara Ponto Com
Você vai Zoar!
Impiau nós dois:Ainda bem que deu TempoAninhaeLustatoTenterraraPelesroçandoemÊxtaseBocadeAlgodaõGemidosSussurros
Devaneios
[Também publicado no Meu Diário] 

 

Lustato Tenterrara Ponto Com
Direitos Autorais Exclusivos de
Aninha T e Lustato Tenterrara
União Brasileira de Escritores - UBE/PI - Matrícula n.º 343/99 
PARA USO COMERCIAL  [mais instruções no Perfil.]
CONTACTAR
   lustato@hotmail.com
                                                               lustato@lustatotenterrara.com
                                                                                                           eu@lustatotenterrara.com

(Lustato Tenterrara)

Meu Diário:
www.lustatotenterrara.com/blog.php
Meu Orkut:
http://www.orkut.com/Profile.aspx?uid=16826612679448660402
Amor&Messenger of Lustato Tenterrara
http://lustato.blogspot.com

My Live Journal - Academia Universitária:
http://lustato.livejournal.com

My Spaces Live (interligado ao MSN-Hotmail)
http://lustato.spaces.live.com

My Space
http://myspace.com/lustato

BrasilT_Poesias
http://community.livejournal.com/brasilt_poesias/
Venha Participar (ler, publicar poesias suas, dos amigos, de escritores universais, etc)

My Site:
www.lustatotenterrara.com
interligado 24 horas on line com
http://recantodasletras.uol.com.br/autores/lustato

Pagina de Meus Amigos, in Live Journal (elejota):
http://lustato.livejournal.com/friends


Lustato Tenterrara

Imagens: Todas as imagens publicadas possuem Direitos Autorais Exclusivos de Lustato Tenterrara.
Proibido cópia, transmissão, difusão, envio, captura, impressão ou qualquer outra forma de divulgação
ou captação de quaisquer imagens sem a observação das instruções adiante expressas:.
Alerta Penal e Civil: Respeite o Direito Autoral
1. Somente podem circular cópias devidamente autenticadas pelo Autor, Lustato Tenterrara.
2. Qualquer outro meio de utilização ou manuseio de cópia de imagem
    que não esteja com o protocolo de autenticação, será objeto de busca e Apreensão Judicial.
AUTENTICAÇÃO DE CÓPIAS DE IMAGENS
Imagens Digitais
Somente podem circular cópias com Autenticação Digital.
Imagens Não Digitais
Somente podem circular cópias com Autenticação Pessoal de Lustato Tenterrara.
Uso Comercial de textos:
Link para obtenção de autorização.
Qualquer inobservância das instruções acima,
acarretará ao responsável,
a aplicação das penalidades criminais e cíveis,
previstas na legislação brasileira e tratados internacionais.
                                                                    Lustato Tenterrara Ponto Com

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Para Uso Doméstico
ou sem fins lucrativos, somente pode ser reproduzido o Texto. 

 

 


Lustato Tenterrara

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Publicado em 14/05/2007 s 22h56

Charlie Brown Jr - Zoio de Lula (Cifrada)
(Acústico MTV)

Intro: (C#m G#m)
  
  (C#m G#m)
  Tirou a roupa, entrou no mar
  pensei meu Deus, que bom que fosse
  Tu me apresenta essa mulher,
  meu irmao te dava te um doce
  Sem roupa ela eh demais
  Tambem por isso eu creio em Deus..
  
  Ainda bem que eu trouxe até meu guarda-sol
  Tenho toda tarde, tenho a vida inteira
  Ja se foi aquele tempo
  da ladeira irmao
  Ja se foi aquele tempo
  da ladeira irmao
 
 
        C#m
  Meu escritorio eh na praia
               
  Eu to sempre na area
             Bm                  E5
  Mas eu não ....


  (C#m G#m)
  Entao,
  deixe viver
  deixe ficar
  Deixe estar como está...

|----------------------------------------------------|
|----------------------------------------------------|
|----------------------------------------------------|
|----------------------------------------------------|
|-4-4-4--4-6-7-6----------4-4-4--4-6-7-6---9---------|
|----------------7-7--4-7----------------7-----------|
 

 (Soh Toca o Baixo)

 Meu Deus
 me de um motivo
 pois eu pago tanto mico
 Ela me ignora, na esparanca
 ainda fico
 Eu to fritando aqui, eu
 vou me entregar,
 nao aguento mais
 Mas se eu nao falar hoje
 talvez nunca veja mais,
 pois

 O dia passa, horas se estendem
 as, pessoas ao redor nunca me entendem
 O dia passa hora se estendem as,
 pessoas ao redor nunca me entendem

  (C#m G#m)
  Entao,
  deixe viver
  deixe ficar
  Deixe estar como está...

[SOLO]

|----------9----------------------11H12--11--11H12--11-------------------|
|--------------9--12B14--12B14--------------------------12---------------|
|--11B13----------------------------------------------------11-----------|
|---------------------------------------------------------------14--13---|
|------------------------------------------------------------------------|
|------------------------------------------------------------------------|
  
|-------------------------------------------------------------------------|
|---------------12--------------------------------------------------------|
|----------13---------13H14P13--13H14P13--14P13P11------------------------|
|---13H14--------------------------------------------14P13P11H13H14P13P11-|
|-------------------------------------------------------------------------|
|-------------------------------------------------------------------------|
 
|---------------------------------
|---------------------------------
|-------------------13------------
|---------------------------------
|--14P13P11H13H14-----------------
|---------------------------------


(Baixo e Batera)
 
 O dia passa horas se estendem as,
 pessoas ao redor nunca me entendem
 O dia passa horas se estendem
 as, pessoas ao redor nunca me entendem
  
  [C#m G#m]
  Tirou a roupa, entrou no mar
  pensei meu Deus, que bom que fosse
  Tu me apresenta essa mulher,
  meu irmao te dava te um doce
  Sem roupa ela eh demais
  Tambem por isso eu creio em Deus
  Meu bom,meu Deus,meu bom, me traz
  Ainda bem que eu trouxe até meu guarda-sol
  Tenho toda tarde, tenho a vida inteira
  Ja sei foi aquele tempo
  da ladeira irmão
  Ja se foi aquele tempo
  Sangue Bom...


        C#m
  Meu escritorio eh na praia

  Eu to sempre na area
             Bm                  E5
  Mas eu não ....

        C#m
  Meu escritorio eh na praia

  Eu to sempre na área
             Bm                  E5
  Mas eu não sou daquela laia não


  (C#m G#m) 4X
  Então,
  deixe viver
  deixe ficar
  Deixe estar como está...

  Aiê...


  Saca só...
  As flores são bonitas em qualquer lugar do mundo
  Muita gente tem cara, mais não tem conteúdo...

e|---------------16---------|
B|------9------------14-----|
G|--9-----------------------|
D|--------------------------|
A|--------------------------|
E|--------------------------|

*****************************

  (C#m)       (G#m)

e|--4--|    e|--4--|
B|--5--|    B|--4--|
G|--6--|    G|--4--|
D|--6--|    D|--6--|
A|--4--|    A|--6--|
E|--X--|    E|--X--|




Current Mood: contemplative
2:00 am
[lustato]
Meus Livros Mortos (A Primeira Rima) - Poesias, Acrósticos,
MeusLivrosMortosEscritosSemFormaAmorfosSãoquaseSempreTortosSentidoPassivodoNãoSerExistênciaInsanadoQuererMedoAtrozdoSaber
TemplodeTenazVeneraçãoEscolioseDestaInfindávelArmaçãoVesgodeMirarIgnotaLoucuraEsperandoDiscernirBranduraRetornoEterno:IlusãoSemCura!

                                             Meus Livros Mortos
                                                            (Lustato Tenterrara, in Elmano Sandino)


Uma H-Ta e "A
Minha Primeira Rima"


Meus livros mortos
Escritos sem forma, amorfos
São quase sempre tortos

Sentido passivo do não ser
Existência insana do querer
Medo atroz do saber

Templo de tenaz veneração
Escoliose desta infindável armação

Vesgo de mirar ignota loucura
Esperando discernir brandura
Retorno eterno: Ilusão sem cura!
                                                              (Elmano Sandino - dezembro/1990) 




Veja o gênesis deste Poema em:

O Diário de Elmano Sandino:
http://recantodasletras.uol.com.br/mensagensdeamor/508758
O DiÁrIo dE uM LoUcO! 
                                                     FrAgmenTOS do Capítulo I
                                 Elmano Sandino
                           Meus Delírios por Natália
                 AMOR - PAIXÃO - SAUDADE - SOLIDÃO
                              POEMAS E CITAÇÕES
http://www.lustatotenterrara.com/visualizar.php?idt=508758




Minha Página Social, no Orkut:
http://www.orkut.com/Profile.aspx?uid=16826612679448660402

Meus 'normais' Diários:
www.lustatotenterrara.com/blog.php
e
http://lustato.blogspot.com

http://lustato.livejournal.com

http://myspace.com/lustato

http://lustato.spaces.live.com





Lustato Tenterrara

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Publicado em 09/06/2007 s 13h19


Current Mood: quixotic
1:43 am
[lustato]
Mulher, Teu Nome é Desejo! (Caminar en Cielos)

Mulher, Teu Nome é Desejo!
Lembrando das mulheres nuas, de Manuel Bandeira
                                                 (Lustato Tenterrara)

A Ama Zônia...
         Sem Ozônio,
               Sa Ara Será!

Ce Ará...
    Sem Jerico Aquara,
                     Não há!
Sem Você...
          Cá,
             Nada há!

A Asa Sul...
         É Azul...
            Como o Mar!

Como o Mar, 
       É o Teu Olhar...
            Calmo e terno...
               Agitado e forte!

Mulher...Teu nome éDesejo...
          Maravilhas...
             Andar
              nos
               cé
               us
                !
                                     (Lustato Tenterrara)






... Vamos Zoar um pouco...
Lustato Tenterrara Ponto Com
Você vai Zoar!
Impiau nós dois:Ainda bem que deu TempoAninhaeLustatoTenterraraPelesroçandoemÊxtaseBocadeAlgodaõGemidosSussurros
Devaneios

Lustato Tenterrara Ponto Com
Direitos Autorais Exclusivos de
Aninha T e Lustato Tenterrara
União Brasileira de Escritores - UBE/PI - Matrícula n.º 343/99 
PARA USO COMERCIAL  [mais instruções no Perfil.]
CONTACTAR
   lustato@hotmail.com
                                                               lustato@lustatotenterrara.com
                                                                                                           eu@lustatotenterrara.com
http://lustato.blogspot.com/
                                                             http://br.groups.yahoo.com/group/lustato
Para Uso Doméstico
ou sem fins lucrativos, somente pode ser reproduzido o Texto. 

www.lustatotenterrara.com

Lustato Tenterrara

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.



Current Mood: loved
Amor&Messenger of Lustato Tenterrara   About LiveJournal.com